© Tribeca - Direitos Protegidos.

COMPARTILHE MOMENTOS

Café não é apenas "café". 

É arte. 

 

São histórias, são pessoas, são momentos vividos e compartilhados.

Aqui contaremos um pouco de cada momento ilustrado e do artista que o ilustrou. Esperamos que você sinta a emoção que cada café tem para lhe passar e perceba que a arte está em todos os detalhes. Cada momento é único e devemos saber apreciá-lo da melhor maneira possível.

 

Embarque nessa jornada conosco e compartilhe o seu momento com a gente, assim como estamos fazendo com vocês! 

Café Tribeca, entregando momentos, emoções e sensações direto da fazenda para a sua xícara!

 

LINHA MOMENTOS

Os nomes da nova linha foram inspirados nas constelações, que são agrupamentos "aparentes" de estrelas os quais os astrônomos da antiguidade imaginaram formar figuras no céu. Alguns historiadores suspeitam que muitos dos mitos associados às constelações foram inventados para ajudar os agricultores a lembrarem quando deveriam plantar e colher.

Momento Aquila

Blend especial de duas Variedades (Topázio e Catuaí Amarelo) se comportam muito bem em perfis de torras mais escuros, doçura e corpo brilhantes.

Em 1967 a Fazenda foi adquirida pelo casal patriarca do Café Tribeca: Aureliano e Vivi. A Fazenda era o lugar onde os dois tinham como o seu paraíso, em meio a natureza e longe do caos da cidade grande, eles aproveitavam seus dias de lazer na tão encantadora Fazenda da Serra. Um dos momentos mais recordados por todos onde ali trabalhavam era o passeio de final de tarde de Aureliano e Vivi, onde iam de mãos dadas até a Ilha da represa e sentavam no banquinho para apreciar a vista e desfrutar da companhia um do outro. Momentos que ficam na memória e agora, eternizados em nossas embalagens Aquila.

A ilustradora foi a Camila, e ela compartilha um pouco sobre sua jornada até aqui:

Bom, vamos lá ... Meu nome é Camila, tenho 28 anos, sou formada em Relações Internacionais, 
mas quando eu estava estudando comecei a trabalhar como designer gráfico no site wedologos para ajudar
nas mensalidades da universidade e foi através dessa empresa que eu cresci, sendo considerada uma das 
melhores designers do site. Foi aí que descobri minha paixão por essa área. Desde então optei por continuar
trabalhando como designer, porque é o que realmente amo. É muito gratificante criar, desenhar e alcançar o resultado que o cliente estava idealizando.

 

Atualmente, eu e meu noivo, que também é designer, temos uma empresa (woowdesigns) e seguimos nosso trabalho, buscando sempre satisfazer nossos clientes com muito amor, criatividade e dedicação. Em relação ao café Tribeca, eu optei por desenhar esse momento, pois achei lindo o amor dos avós que fundaram a fazenda.

 

Ademais, como eu também amava muito a minha avó, esse momento me fez recordar dela e do carinho que ela tinha por mim.

Momento Canis

Café da Variedade Mundo Novo, com notas de damasco e acidez cítrica bem pronunciada, aftertaste muito achocolotado e caramelizado, o café preferido da Q-Grader Tribeca Priscila Fonseca.

No início de 2017 Priscila Fonseca se mudou para a Fazenda com seus pais e sua irmã, inicialmente era para dar continuidade em um projeto de maquinários agrícolas, mas com o passar do tempo o seu amor pelo café e suas infinitas nuances a fez mergulhar fundo no mundo da bebida especial. O seu talento nato já era visível, mas para trabalhar no ramo era preciso se aperfeiçoar e se dedicar, e assim o fez. Se formou como Q-Grader e começou sua jornada no café Tribeca, idealizadora junto com sua família hoje ela mora no Canadá e visita todos os anos a Fazenda para provar os cafés da safra atual e escolher os de melhor qualidade para atender os clientes Tribeca.

No Lab Tribeca ela viaja no mundo dos cafés especiais. Ali é o seu local preferido e é o momento em que ela encontra a sua plenitude. Não podemos esquecer de Thor, seu Rottweiler, fiel escudeiro e guardião do Café Tribeca.

O ilustrador foi o Lucas Amaral e ele compartilha um pouco sobre sua jornada até aqui:

 

Lucas Amaral é designer, ilustrador e artista visual. Desde 2015 se apresenta como Inventura Studio, um projeto pessoal que surgiu da oportunidade de potencializar trabalhos de ilustração autoral aplicando ferramentas do design e valorizando os processos manuais e experimentais com o intuito de tornar a arte e o diálogo que a acompanha mais acessíveis. Teve inicio como atelier de serigrafia em Belo Horizonte, mas nunca se prendeu a apenas uma técnica ou lugar. Em 2017 se mudou para Barcelona onde segue com a mesma proposta em busca de novas experiências. 

Momento Linx

Café da Variedade Mundo Novo, corpo denso, aftertaste de frutas amarelas, acidez cítrica marcante.

O principal foco de Aureliano era a valorização das pessoas que trabalhavam com ele. Um fato muito importante e curioso é que todos os funcionários do Tribeca hoje, são filhos, netos e parentes do primeiro funcionário da Fazenda da Serra, Sr. Cornélio, que foi o homenageado desse momento, visando lembrar o quão importante são as pessoas para o progresso de uma empresa. Quando fazemos o que amamos deixamos ali um pedaço de nosso coração, tendo sempre em mente o legado que queremos deixar para as futuras gerações.

Os ilustradores foram André Oliveira e Sarah Azalini e eles compartilham um pouco sobre suas jornadas até aqui:

Nascido no interior de Minas Gerais, na cidade de Viçosa, André atualmente mora em Belo Horizonte, onde tem um estúdio de tatuagem, arte e design. Seu interesse artístico surgiu quando criança - devidamente apoiado pela sua mãe - ao mesmo tempo que seu gosto pela literatura de fantasia, assim como pelo RPG. Desde então, lê e coleciona livros do escritor J. R. R. Tolkien, que, por sua vez, influenciou o estilo de André enquanto tatuador e ilustrador, buscando expressar isto por meio de texturas, alto contraste, materiais diferenciados e algumas experimentações gráficas. "Tolkien : A Vida Ilustra a Obra", livro que acabou de publicar de forma independente, é uma confluência de todo o repertório construído a partir dessas referências. Um pouco desse percurso de construção do que gosta de chamar de realismo expressivo pode também ser visto em seu "Artbook" e nas tatuagens de sua autoria.

Sarah nasceu e cresceu em Três Pontas, cidade do café. Desde a infância esteve envolvida em diversas formas de arte, estudando desenho, música e dança, atividades que nunca abandonou. Atualmente, mora em Belo Horizonte, onde graduou-se em Design Gráfico pela UEMG. Em paralelo à atuação profissional como designer, descobriu a paixão pela tatuagem e hoje atende em um estúdio da capital. Para ela, o prazer de tatuar está ligado à possibilidade de um contato mais próximo com as pessoas e suas histórias, que são sua maior motivação.

Momento Pegasus

Café da Variedade Mundo Novo, com notas de morango, aroma floral, acidez de frutas vermelhas bem pronunciada, aftertaste longo caramelizado, corpo oleoso, denso. O café de maior pontuação dessa safra.

A Fazenda da Serra sempre foi o local preferido da criançada. A nova geração, que hoje trabalha e administra a fazenda, cresceu lá. Era um local de descontração, brincadeiras e diversão. As netas de Aureliano e Vivi sempre organizavam gincanas, campeonatos, brincadeiras e até festas beneficentes para a comunidade carente das redondezas. A valorização da infância e investimento nas novas gerações, é algo muito presente no Café Tribeca e algo que Aureliano prezava muito.

O ilustrador foi o Kaká Chazz e ele compartilha um pouco sobre sua jornada até aqui:

 

Kaká Chazz, artista plástico e muralista, brasileiro de minas gerais. Desenha desde a infância. Iniciou como grafiteiro aos 22 anos de idade, hoje trabalha como muralista e artista plástico. Seu estúdio está localizado na cidade de varginha, onde pinta as suas telas lá é o local que o inspira para novos projetos e novas ideias, e onde surgiu o Semeando Cores.

 

“O Semeando Cores nasceu em meu coração à alguns anos atrás. E a proposta é despertar propósitos e formar artistas. Além da valorização do espaço que recebe a arte.
A criação da arte desenvolvida nos murais sempre traz uma mensagem sobre sonhar e acreditar. É importante conscientizar-se que cada ser humano tem seu próposito único e isso pode inspirar muitas pessoas.
A Arte é uma ferramenta de transformação.

Sonhe e acredite.
Acredite principalmente nas pessoas!”

café tribeca

compartilhando momentos